DF: Faltam paradas de ônibus no Paranoá Parque

Por Rafael Martins

Inaugurado em outubro de 2015, os moradores do Condomínio Residencial Paranoá Parque convivem com um problema desde a entrega das unidades habitacionais: a falta de cobertura de ponto de ônibus, e com isso os passageiros são obrigados a esperar pelo transporte público debaixo de sol e chuva. Não há nenhum abrigo nas quadras do Paranoá Parque, apenas uma placa indicando que o ônibus para ali.

Em março, o DFTrans informou que as paradas deveriam começar a chegar até o fim deste mês. Agora a promessa é que a partir de junho os abrigos comecem a ser construídos.

"No começo do ano o DFTrans assinou um contrato para a construção de 500 abrigos por todo o Distrito Federal. No momento estamos na execução da primeira etapa de instalação em Ceilândia e Brazlândia - num total de 39 abrigos - e aqui no Paranoá Parque teremos 09 abrigos que serão colocados onde já estão as baias dos ônibus que foram construídas. Foi feito um mapeamento da nossa equipe técnica dos locais que vão receber essas paradas, até porque já existe uma reivindicação para readequação de linhas, aproveitando algumas paradas que já existem. Pode parecer pouco para a população do Paranoá Parque, mas nesse mapeamento já vimos que existem locais com a parada coberta. Está previsto o bairro participar da 2ª etapa, e provavelmente em 60 dias já terão esses abrigos", disse Guilherme Fernandes, diretor técnico do DFTrans, em entrevista ao Bom Dia DF.