Anápolis: Anunciado novos pontos de integração temporal do transporte coletivo

Urban - 73521
Por Rafael Martins

A Prefeitura de Anápolis e a Companhia Municipal de Trânsito e Transporte (CMTT) anunciaram hoje (05) a implantação de mais quatro pontos de integração temporal pela cidade.

Nas próximas semanas, segundo a autarquia, estará em funcionamento um novo ponto de integração que ligará o Polocentro ao Daia.

De acordo com diretor da CMTT, Carlos César de Toledo, a economia de tempo será de aproximadamente 30 minutos, já que o passageiro não precisará ir ao Terminal Urbano para então seguir viagem.

Até o fim de 2018, mais três pontos serão implantados nos cruzamentos das avenidas Brasil Sul e Engenheiro Portela; Presidente Kennedy e Universitária; e no final da Avenida Engenheiro Geraldo de Pina, próximo ao Viaduto Ayrton Senna.

Atualmente a cidade conta com três pontos de integração temporal: Praça do Ancião, Viaduto Nelson Mandela, e Havan.

Integração temporal

A integração temporal é uma opção adicional ao sistema integrado existente, através da qual o usuário com o cartão da Urban pode trocar de ônibus, sem pagar uma nova passagem fora do Terminal Urbano, desde que se passe na catraca do ônibus seguinte dentro de 1h.

O modelo utilizado em Anápolis agrega os conceitos de integração espacial e temporal por grupos de linhas. Isto significa que a integração temporal só é possível entre linhas de grupos diferentes nos pontos de integração.

Para saber como funciona a integração temporal em Anápolis, clique aqui.