DF: Fundo do Transporte Coletivo é extinto para sanar dívidas com cooperativas

Por Rafael Martins

Foi sancionado pelo GDF na última quarta-feira (28) um projeto de lei de sua autoria que extingue o Fundo do Transporte Público Coletivo, cujos recursos deverão ser revertidos para pagar dívidas com as cooperativas.

O Fundo era destinado a prover recursos para a execução de programas de investimento e de manutenção do sistema, porém nunca se consolidou como instrumento de financiamento para o transporte, nem para as políticas de mobilidade da capital.

A lei determina também que as empresas e cooperativas que entrarem no sistema serão obrigadas a contratar trabalhadores que já estejam prestando serviço.