DF: Número de passageiros de ônibus cai 15%, dizem empresas; Mobilidade fala em 7,8%

O número de passageiros do transporte público no Distrito Federal caiu 15% no último ano, afirma a Associação das Empresas de Transporte Público do DF (Transit). O dado, segundo os empresários do setor, significa 150 mil passageiros a menos por dia. O resultado, segundo a associação, é maior do que o registrado de agosto de 2015 a julho 2016, quando a queda foi de 9%.

As empresas atribuem a queda ao aumento de carros nos últimos 20 anos. A companhias também afirmam que a elevação do custo de operação, transporte pirata, preço das passagens, insegurança e longo tempo de espera também são fatores que influenciaram o resultado.

A Secretaria de Mobilidade do DF contesta o número e diz que a redução na quantidade de passageiros nos últimos doze meses foi metade do valor defendido pelos empresários. Segundo o GDF, a queda foi de 7,83%.

A redução, segundo a pasta, é por causa de fatores como “a crise econômica do país e medidas de combate à fraude e a moralização do sistema adotadas pelo governo, que suspendeu a utilização do passe livre estudantil dos alunos que estavam em férias”, disse a secretaria, por meio de nota.

Com relação à pirataria, o governo explica que os órgãos de trânsito estão “diariamente e em vários pontos da cidade”. Segundo a nota, “com a parceria da Polícia Militar, foram aplicadas 3.068 multas no primeiro semestre deste ano para condutores de transporte irregular".

Fonte: G1 DF