Pense Mobilidade completa 08 anos



O Pense Mobilidade completou 08 anos hoje. A ideia de criar um site exclusivamente com informações sobre o transporte coletivo surgiu em 2009 no Terminal Padre Pelágio, em Goiânia.

Estava na metade do curso de jornalismo, indo fazer uma matéria para a disciplina de rádio da faculdade na Vila Mutirão. No Terminal Padre Pelágio, na plataforma de embarque da linha 158 - Padre Pelágio / Bairro da Vitória, alguns passageiros perguntavam o intervalo da linha para minhas duas amigas, que de longe me gritaram para saber o horário. Eu claro sabia, pois tinha o costume de usar a linha com certa frequência. A partir daí surgiu a ideia: se sei as informações de transporte coletivo e gosto do assunto, porque não divulgá-las? 

Deixei a ideia em stand-by por um tempo, até que na própria faculdade de jornalismo a onda de ter blogs começou. Pensei bastante no assunto. Como iria fazer o blog? O que iria colocar nele? 

Após quase dois meses, no dia 24 de maio, em pleno domingo às 22h39 publico minha primeira postagem falando da HP Transportes e seus ônibus. O transporte coletivo em Goiânia estava passando por transformações ainda. Novos ônibus chegando, a discussão sobre a cobrança do complemento tarifário nas linhas semiurbanas nos terminais do Eixo Anhanguera, tudo era notícia para colocar no recém-criado blog.

A necessidade real para eu criar o Pense Mobilidade foi de que não havia nenhum portal dedicado exclusivamente ao transporte coletivo, hoje com o tema mais complexo, a mobilidade urbana.

Dois meses depois, em julho de 2009, comecei a cobrir Brasília e seu Entorno. A região de Planaltina estava em festa. 80 ônibus velhos da Viplan haviam sido substituídos por novos ônibus da Coopatram. 

A primeira notícia da capital federal que postava era do anúncio da reforma da Rodoviária do Plano Piloto, cujo projeto previa uma nova fachada, novos modelos de totens nas baias e um terminal moderno e funcional. 

Passado estes 8 anos, algumas coisas mudaram no local. Os embarques do Entorno saíram da Plataforma D e foram para o espaço onde funcionava o antigo Touring Club. A eterna reforma da Rodoviária do Plano Piloto, anunciada lá em 2009, até hoje não foi concluída e segue a passos lentos.

No Entorno do Distrito Federal, a notícia era a paralisação dos motoristas da Viação Luziânia e Anapolina e do reajuste nas tarifas das linhas semiurbanas. A cada ano, um novo reajuste e novas ondas de protesto. Como não lembrar do protesto em Planaltina de Goiás cujo prefeito foi alvo de chacota nacional? 

A tão aguardada licitação já está em andamento, porém a passos lentos. Parte dela foi concluída, com a Taguatur assumindo as linhas em Novo Gama e Distrito de Girassol. Suspeitas de irregularidades e falta de interesse das empresas em atuar na região, transformaram a esperança que os usuários tinham num terrível pesadelo, sem qualquer previsão de acordarem dele.

Foram muitas coisas que cobri nestes 08 anos: greves, manifestações, entrega de novos ônibus, terminais reconstruidos e/ou reformados, lançamento de novos cartões do transporte coletivo, o nascimento e falência da Coopatram, as licitações em todas as regiões que o Pense Mobilidade atua. São tantas informações, que a lista é muito extensa e não conseguiria lembrar de tudo.

O mais importante nesses 08 anos é o reconhecimento deste trabalho, em que faço porque gosto e tenho prazer nisso, e digo com toda a certeza que aprendi e muito com o Pense Mobilidade, em termos de conhecimento técnico sobre transporte.

O sucesso do Pense Mobilidade não é só meu, mas sim de vocês leitores que reconhecem a qualidade das informações postadas, mesmo que sejam de minha autoria ou reproduções de outros veículos midiáticos, e que confiam nelas. Meu muito obrigado a todos vocês por esse reconhecimento.

As premiações são só reflexo do árduo trabalho e do reconhecimento de vocês leitores. Em 2011 o Pense Mobilidade eleito o 3º melhor blog do país, e nos anos de 2013 e 2014 ficou em 2º lugar, todos através do Prêmio TopBlog.

Novamente agradeço a todos vocês, leitores, especialistas nas mais diversas áreas, empresários do transporte coletivo o qual tive oportunidade de conhecer pessoalmente. Enfim, aprendi muito fazendo o Pense Mobilidade. Sempre que possível estou presente em fóruns ou audiências em que o assunto é transporte coletivo e mobilidade urbana. Jamais pensei que o site completasse 8 anos, e que chegasse onde chegou. Estou feliz com esta conquista.

Obrigado a todos vocês. Até o 9º aniversário do Pense Mobilidade, um site de uma equipe de um homem só. 

Rafael Martins