DF: Dois ônibus são apedrejados no Sol Nascente, em Ceilândia

Por Rafael Martins

A intimidação do transporte pirata na maior cidade do DF parece não ter fim. Ontem (18) dois ônibus da Rural JN foram apedrejados no Sol Nascente, em Ceilândia. Além disso, um outro veículo foi assaltado. As informações são da TV Globo Brasília.

De acordo com a empresa, os ônibus foram atacados quando guardas da escolta contratada estavam no horário de almoço. A situação tem se acirrado nos últimos dias na região. O ápice, foi o furto das armas e coletes dos seguranças na quinta-feira (16). Quatro foram presos e levados para a 19ª DP, em Ceilândia; e a polícia ainda busca outros membros do grupo.

Um ônibus da São José também foi alvo de ataques. O temor é que a situação entre motoristas e piratas se agravem, pois o GDF autorizou uma nova linha para a empresa, ligando o Sol Nascente para o M Norte, em Taguatinga.

Segundo os passageiros, os piratas não deixam os ônibus pararem nas paradas, jogam pedra, ameaçam depredar e até queimar o veículo. Com a falta de ônibus regulares, quem precisa pegar do transporte ou utiliza o serviço clandestino, ou precisa andar muito até uma parada onde os ônibus atendem.

Escolta armada

A escolta contratada no último dia 09/02 pela Rural JN, fica na entrada do Sol Nascente a espera do ônibus da empresa. A partir do momento em que o veículo entra na região, a escolta segue o ônibus em todo o itinerário; até deixar o Sol Nascente.

Com a disputa por passageiros no Sol Nascente, um homem foi morto a tiros na última semana. De acordo com a Polícia Militar, o crime foi um acerto de contas entre dois motoristas de transporte pirata que atuavam na região.