DF: Estações do Metrô-DF terão terminais de autoatendimento

A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) distribuirá 38 terminais de autoatendimento entre as 24 estações em funcionamento. A empresa pública lançou nesta sexta-feira (4) pregão eletrônico para contratar serviço especializado de comercialização de créditos de viagem por meio desses equipamentos.

Serão instaladas 38 máquinas de autoatendimento, a serem mantidas pela empresa. O pregão eletrônico também inclui a locação dos equipamentos, a manutenção técnica, o fornecimento de materiais e o monitoramento de operação do sistema. O custo mensal estimado é R$ 326.967,54, sendo o valor para o tempo total de contrato, 60 meses, de R$ 19.618.052,43.

As empresas interessadas em participar do pregão eletrônico podem acessar o edital pelos sites do Metrô e de compras governamentais. Neste último, de domínio do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, é necessário fazer pré-cadastro. As propostas têm de ser encaminhadas até as 9 horas de 5 de dezembro.

De acordo com o diretor Financeiro e Comercial do Metrô, Gilberto Pompílio, a previsão é que o processo licitatório seja finalizado em dezembro e que o funcionamento do sistema comece no início de 2017.

Segundo ele, a demanda por esses equipamentos é antiga, por parte dos passageiros do sistema metroviário. “Além disso, é uma forma de modernização das estações. As principais cidades do mundo já usam o autoatendimento”, destaca.

Pompílio enfatiza que a venda nos guichês não sofrerá alteração ou redução. “O objetivo é dar agilidade à compra e diminuir as filas e o tempo de espera dos passageiros no momento da aquisição dos bilhetes.”

De acordo com o projeto, as compras poderão ser feitas tanto em dinheiro quanto por cartão de débito.

Fonte: Agência Brasília