DF: Metrô inaugura obras de acessibilidade na estação da 114 Sul

Com o objetivo de melhorar a acessibilidade dos 2,8 mil passageiros com deficiência que passam, por mês, pela estação da 114 Sul, a Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) inaugurou obras no local nesta quinta-feira (29). Escadas externas foram construídas; meios-fios, rebaixados; e corrimãos duplos com informações em braile, instalados. Também faz parte das adaptações a instalação de alvenaria revestida em pastilha na rampa externa e de guarda-corpos em inox e vidro nas escadas internas.

Investir em acessibilidade é uma forma de tornar a cidade mais justa e inclusiva, na avaliação da colaboradora do governo de Brasília Márcia Rollemberg, presente no evento de inauguração. “O Metrô tem assumido um papel muito importante na questão da solidariedade. Ele tem sido um espaço para exercitar a cidadania. Fico muito feliz com as perspectivas de expansão da acessibilidade física, mas esse é um campo de desafios”, destacou.

Ampliar a acessibilidade é um passo importante para a melhoria do atendimento dos usuários do Metrô-DF, de acordo com o presidente da companhia, Marcelo Dourado. “São coisas que às vezes parecem pequenas, mas muito importantes. É fundamental que a gente tenha um olhar diferenciado para cada situação”, defendeu.

As intervenções foram executadas em duas etapas: de junho de 2014 a outubro de 2015 e de março a julho deste ano. Elas custaram R$ 956.203,56 — 75% de contrapartida do governo de Brasília e o restante, de emenda parlamentar distrital. Segundo o Metrô-DF, cerca de 50 mil usuários circulam mensalmente pela estação da 114 Sul.

Fonte: Agência Brasília