Entorno DF: Prorrogado, mais uma vez, prazo para a Taguatur operar o Lote 4

Por Rafael Martins

Fevereiro de 2017. Este é o novo prazo limite para a assunção das linhas do Lote 4 pela Taguatur, da licitação promovida em 2014 pela ANTT.

A resolução, publicada hoje no DOU, prorroga pela segunda vez o início das operações da referida empresas nas linhas do Novo Gama à Taguatinga e Gama; Águas Lindas à Ceilândia e Taguatinga; e as linhas que ligam os distritos de Girassol e Mansões Marajó ao DF.

Até então, a data limite para a Taguatur começar a operar, venceu ontem, 21 de agosto. Apesar do prazo limite ser fevereiro de 2017, em qualquer momento dentro deste período, a empresa pode iniciar suas operações no Lote 4. A frota de 50 ônibus zero km já foi adquirida, além da garagem no Novo Gama estar em fase final de construção.

O início das novas operações, dependerá do novo cronograma de assunção de serviços da Taguatur e da Ordem de Serviço da ANTT.

A Agência, em razão da continuidade dos serviços e do interesse público relevante, poderá autorizar o início da operação dos serviços em etapas, sem prejuízo do cumprimento de todas as obrigações prévias previstas para o Lote.

Neste período de transição dos serviços das antigas para a nova empresa, a operação será entre a Taguatur e as que possuem contrato emergencial ou autorização judicial, até que a assunção dos serviços seja concluída pela Taguatur.

Após esta conclusão, as empresas que circulam mediante autorização especial, judicial e contrato emergencial nas regiões contempladas no Lote 4 não irão mais operar.