DF: GDF inaugura segundo terminal rodoviário no Recanto das Emas

Cerca de 70 mil pessoas serão beneficiadas com o novo terminal rodoviário de ônibus no Recanto das Emas, inaugurado nesta quarta-feira (3) pelo governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg. A estação rodoviária terá 16 linhas, 72 ônibus e será responsável por 327 viagens que serão feitas pelas empresas Urbi, São José e Marechal. O terminal faz parte do programa de mobilidade urbana Circula Brasília.

“Essa obra vai melhorar o transporte público da cidade. Fazemos um esforço muito grande no âmbito do Circula Brasília para isso, com a colocação de terminais, que dão segurança e conforto para a população, e a revisão de linhas”, disse Rollemberg durante a cerimônia de inauguração na manhã de hoje.

A nova estação rodoviária tem oito pontos de embarque e de desembarque e 22 de estocagem. Além disso, há 19 vagas de estacionamento para particulares, lanchonete, banheiros com acessibilidade e paraciclos. Ainda conta com cinco salas administrativas que serão usadas pelo Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), pela administração do terminal e pelas operadoras do sistema.

O investimento para a reforma do terminal Recanto das Emas II foi de R$ ​2.984.120,91. O recurso é proveniente dos R$ 33 milhões de contrato firmado em 2008 com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). A Secretaria de Mobilidade é a unidade responsável pelas obras nos terminais.

Entre os 70 mil beneficiados está a dona de casa Charlane Ribeiro, de 26 anos. Acompanhada do filho Felipe, de 9 meses, ela aprovou a construção do terminal. “Ter um novo local é bom, traz infraestrutura e deve melhorar o transporte”, disse.


Outros terminais inaugurados em Brasília

Esse é o segundo terminal do Recanto das Emas. O primeiro foi entregue em 28 de julho e conta com 10 plataformas, 45 vagas de estocagem e 13 de estacionamento. Desde 2015, oito estações foram inauguradas por meio do Plano de Transporte Urbano (PTU), que faz parte do Circula Brasília. Entre as entregas feitas à população, cinco são novos terminais (Ceilândia, Gama, Riacho Fundo II, Sobradinho II e Recanto das Emas) e duas são reformas (Guará II e Paranoá). O de Planaltina teve a melhoria iniciada.

Outros reparos continuam a ser feitos em terminais de Ceilândia (P Sul), do Cruzeiro Novo, do Guará I, do Núcleo Bandeirante, de Planaltina, de Taguatinga (Setor M Norte) e de Taguatinga Sul. Além desses, o governo deverá entregar duas novas estruturas, ambos em Samambaia.

Também compareceram os secretários de Mobilidade, Marcos Dantas, e o da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, José Guilherme Leal; o diretor-geral do DFTrans, Léo Carlos Cruz; e o administrador regional do Recanto das Emas, Fábio Viana Ávila.

Fonte: Agência Brasília