DF: Terminal de ônibus de Planaltina recebe primeira reforma desde sua inauguração

O terminal de ônibus de Planaltina, que desde sua inauguração, em 1977, nunca passou por intervenções, começou a receber sua primeira reforma. Na manhã deste sábado (16), o secretário de Mobilidade, Marcos Dantas, esteve no local e assinou a ordem de serviço para as obras, que tiveram início na quarta-feira (13). Segundo ele, o local será entregue à população em fevereiro de 2017.

O investimento na reforma total do lugar será de R$ 4.702.189,98, proveniente de empréstimo firmado entre o governo de Brasília e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). As obras incluirão recuperação do piso e do teto, melhorias nos banheiros e na acessibilidade de todo o espaço. Ainda haverá uma sala para os trabalhadores do terminal, local com capacidade para 20 bicicletas, 19 boxes para ônibus e 73 vagas de estacionamento.

Também será substituída as redes elétrica e hidráulica. “Os usuários terão um lugar novo, que significará muito no dia-a-dia dessas pessoas e de quem trabalha no terminal”, destaca o secretário Marcos Dantas. Pelo terminal circulam 138 ônibus, de 32 linhas que atendem Planaltina. Mesmo em reforma, o local continuará funcionando.

Melhorias estão previstas no Circula Brasília

A reforma faz parte do Circula Brasília, programa de mobilidade do governo, com o investimento previsto de R$ 6 bilhões. Trata-se de um conjunto de 80 ações — gestão, projetos e obras — que serão executadas em, no mínimo, dez anos.

Na semana que vem, dois outros espaços — um no Paranoá e outro no Recanto das Emas — serão inaugurados. Até o fim do ano, 13 serão entregues. O primeiro foi o do Guará II, em 11 de junho. Ainda em 2015, foram entregues os terminais de Ceilândia, do Gama, do Riacho Fundo II e de Sobradinho II. Os que estão sendo construídos são dois em Samambaia e dois no Recanto das Emas e os em reforma, no Cruzeiro, no Guará I, na M Norte, no Núcleo Bandeirante, no Paranoá, no P Sul, em Planaltina e em Taguatinga Sul.

Fonte: Agência Brasília