DF: Rollemberg monitora projetos da Secretaria de Mobilidade

Diretores de empresas e autarquias da área de mobilidade do governo de Brasília, reuniram-se, na tarde desta quarta-feira (15), no Palácio do Buriti, para apresentar prazos e entregas das atividades da pasta ao governador Rodrigo Rollemberg. Acompanhados pelo secretário de Mobilidade, Marcos Dantas, é a segunda vez que eles participam do monitoramento. A primeira ocorreu em março.

Manutenção de vias, modernização de equipamentos, licitações de obras, entregas de terminais rodoviários, recadastramento de beneficiários, ações educativas, implantação dos corredores de trânsito e reconstituição asfáltica fizeram parte da pauta da reunião dos titulares de empresas e autarquias públicas.

Trecho Torto-Colorado

Foram analisadas as situações dos empreendimentos e investimentos na área dos transportes, como a retomada da construção das pistas do trecho Torto-Colorado — que resultarão em vias marginais à Ponte do Bragueto, além de duas pontes para desafogar o trânsito na região.

O chefe do Executivo pediu prioridade nos projetos em andamento e celeridade na revitalização de linhas rurais da rede de transporte. O secretário de Mobilidade, Marcos Dantas, ressaltou que, ainda neste semestre, serão divulgadas novas licitações para obras de passarela e modernização de equipamentos metroviários.

Circula Brasília

As atividades avaliadas são parte do conjunto de 80 ações do Circula Brasília, que investirá cerca de R$ 6 bilhões em melhorias no sistema de transporte coletivo, ampliação da infraestrutura e investimento na mobilidade ativa. Lançado em maio, o programa é coordenado pela pasta de Mobilidade e prevê a aumentar a integração entre todos os meios de transporte, sejam coletivos ou não motorizados, como bicicletas.

Participaram da reunião o chefe da Casa Civil, Sérgio Sampaio; o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), Henrique Luduvice; o diretor do Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans), Léo Carlos Cruz; o diretor-presidente da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF), Marcelo Dourado; o diretor da Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB), Manoel Alexandre; e os representantes da Procuradoria-Geral do DF, Fabíola Moraes e Gabriel Abbad Silveira.

Fonte: Agência Brasília