DF: Inversão da Samdu e da Comercial começa nesta sexta-feira (3)

Diversos órgãos estão envolvidos na inversão do fluxo de veículos das Avenidas Samdu e Comercial, em Taguatinga, que já têm sentido único. A mudança foi acelerada pelo Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) para garantir a segurança de motoristas e de pedestres. Com essa mesma finalidade, durante o trabalho de sinalização, iniciado às 21 horas de quinta-feira (2), foram mobilizados 36 agentes de trânsito, 16 viaturas, quatro motos e o apoio do helicóptero da autarquia, além de policiais militares.

Nesta sexta-feira (3) e no sábado (4), o Detran fará os ajustes necessários para que a mudança esteja concluída no domingo (5). Até lá, o trabalho segue ininterrupto, com pinturas de faixas de pedestres, colocação de placas de sinalização, adequações de tempos dos semáforos e, principalmente, com orientação dos agentes do Detran visando à segurança das pessoas.

Campanhas

A interdição das duas vias é divulgada pelo departamento desde quarta-feira (1°), com campanhas de esclarecimento à população sobre as inversões. As atividades educativas de trânsito e de conscientização dos moradores, condutores e pedestres são promovidas pela Educação de Trânsito da autarquia, das 9 às 16 horas, em diversos pontos das avenidas e continuarão na próxima semana.

Também na noite de quinta-feira (2), foi feita a inversão dos semáforos. A Engenharia de Trânsito da autarquia ajusta a sincronização do tempo das sinaleiras.

Até domingo (5), motoristas que se confundirem com o novo fluxo do trânsito não serão multados. Agentes do Detran continuarão no local para orientar os condutores e explicar como ficará o tráfego de veículos com a inversão.

A inversão

Com a implementação do sentido único, a Avenida Samdu deverá ser utilizada para quem quiser acessar o lado norte de Taguatinga e, a Avenida Comercial, por quem desejar ir à parte sul. Sendo assim, o motorista que for ao Taguacenter, por exemplo, precisará seguir pela Samdu. Para ir ao centro, deve-se pegar a Comercial.

Fonte: Agência Brasília