DF: Empresas de transporte coletivo aderem ao Maio Amarelo

Cinco operadores do sistema de transporte público do Distrito Federal estão participando da campanha Maio Amarelo. O objetivo é conscientizar os rodoviários e usuários sobre atitudes importantes que ajudem a reduzir os acidentes no trânsito. Participam da ação a Marechal, Piracicabana. Pioneira, Urbi e TCB.

O símbolo da campanha são cinco motoristas que nunca tiveram nenhum registro de acidente em sua trajetória profissional. Juntos eles formam a Liga do Trânsito Seguro e de forma lúdica são retratadas como super-heróis. “Os rodoviários transportam milhares de pessoas todos os meses, são responsáveis por levar sonhos e proteger a vida, por isso precisam ter atenção e cuidado na direção”, explica Barbosa Neto, presidente da associação das empresas de ônibus – Transit.

A campanha também tem como foco os passageiros. Um folder com orientações será entregue para as pessoas que embarcarem nos coletivos que participam da ação. No material tem dicas, como por exemplo: sinalizar com antecedência para o embarque e desembarque e cuidar das crianças para evitar quedas. Barbosa lembra que o usuário também precisa colaborar e ter atitudes seguras ao usar o ônibus.

Os rodoviários também vão receber folders com informações para ajudar a evitar acidentes, além de participar de cursos de reciclagem e condução segura. “É muito importante a conscientização dos colaboradores, pois eles fazem parte do trânsito diariamente, precisam ser orientados para evitar acidentes e serem exemplo para os demais condutores”, ressalta Barbosa. Fitinhas amarelas, cor do Maio Amarelo, também serão distribuídas para os rodoviários, a campanha também será veiculada nos monitores internos dos carros e busdoor

A campanha Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes no trânsito. Como o transporte de clientes é a especialidade das empresas, elas se uniram para divulgar a importância de se prevenir acidentes aos seus colaboradores e usuários, tornando assim um trânsito mais seguro para todos.

Fonte: Marechal Brasília