Goiânia: Nota oficial sobre consorciamento e segurança

Os vigilantes já estão presentes nas estações e terminais, durante o período de circulação dos ônibus, das 05h à meia-noite. A Guarda Civil Metropolitana (GCM) e a Polícia Militar continuarão apoiando e sendo fundamentais nas ações de promoção da segurança do Eixo. As câmeras passarão a ser instaladas a partir de março de 2016.

Assim, o Eixo Anhanguera passará a ter solução de segurança composta por vigilantes e câmeras, amparados por toda uma infraestrutura e processo para recepção, visualização e análise das imagens.

Desde o inicio de 2015, a Metrobus vem buscando, de forma mais veemente, seu ingresso no Consorcio RMTC, com o objetivo de trazer maior integração e qualidade de serviço para o usuário do transporte coletivo. Este intento foi concretizado recentemente, após a devida autorização legislativa.

ASCOM/Metrobus