GO: Passaredo anuncia inovações no transporte coletivo de Catalão

A Passaredo Transportes Rodoviários, vencedora da licitação realizada pela Prefeitura de Catalão, para a prestação de serviços do transporte coletivo no município, anunciou inovações no sistema, em coletiva de imprensa realizada no último sábado, 14. Luiz Gustavo Viana, diretor da Passaredo, e Carlos Silva, consultor da empresa, apresentaram as mudanças na prestação do serviço à imprensa e aos motoristas da frota. As modificações começaram a ser implantadas neste fim de semana.

De acordo com Luiz Gustavo, já estão em circulação 15 ônibus, com motores eletrônicos, em oito linhas. No pacote também estão: bilhetagem eletrônica por meio de cartões magnéticos, circuito de monitoramento por câmeras, GPS em todos os veículos e implantação de uma Central de Relacionamento para atendimento aos usuários. “A transição vai ser tranquila e não vai gerar nenhum transtorno ao usuário. Todas as informações vão ser dadas. A mudança será feita gradativamente e enquanto isso, não muda nada do que está. O usuário pode utilizar dinheiro para pagamento das passagens, idosos continuam sem passar pela catraca. Todas essas mudanças serão implantadas aos poucos, para a melhoria ainda mais do transporte coletivo de Catalão”, informou o diretor da empresa.

Para o prefeito Jardel Sebba (PSDB), todas as mudanças refletirão em uma melhor prestação de serviços do transporte público em Catalão. “A Passaredo venceu a concorrência e está cumprindo todas as exigências do contrato, com frota nova, acessibilidade, bilhetagem eletrônica, GPS, entre outras inovações. É visível que o rompimento com a Transduarte trouxe melhorias na prestação do serviço, mesmo no contrato emergencial com a Pastrans, com mais ônibus circulando e redução no tempo de espera. Estou confiante, que com a Passaredo a tendência é melhorar ainda mais o transporte coletivo aqui da cidade”, pontuou.

Bilhetagem eletrônica

Viana comentou que uma das vantagens da bilhetagem eletrônica é que o usuário não precisa ir ao Terminal de Coletivos para fazer a integração. “Se ele estiver vindo do bairro dele e passar aqui pelo centro, o Terminal, às vezes, está distante para ele. O usuário pode descer no centro, fazer o que ele precisa, e dentro de uma hora, ele pode pegar novamente outro veículo, desde que não seja da mesma linha. Isso facilita bastante”.

Com a bilhetagem, serão disponibilizados cinco cartões pela Passaredo: vale transporte (para empresas), estudante, sênior (idoso), especial (para portadores de necessidades especiais) e comunitário (para demais usuários), explicou o diretor da empresa. A transação em dinheiro ainda pode ser realizada. “Não serão mais usados vales de papel. Agora, o usuário terá um cartão, parecido com o de crédito. Se ele perder o cartão, ele não perde as passagens. O cartão vai para a lista negra e é bloqueado. O usuário tira outro cartão e as passagens são creditadas nele. Outra vantagem é a agilidade, onde o cartão é passado por um aparelho validador, agilizando mais a parte da operação do transporte”, explicou Viana.

Outras inovações

O diretor da empresa também relatou que todos os ônibus têm acessibilidade, câmeras de monitoramento e ainda contam com o sistema de GPS. Será possível saber onde cada veículo está, a velocidade praticada e monitoramento de atrasos, entre outros ítens. “Toda frota está monitorada, onde dá para verificar atrasos de linhas, desvio de itinerários. Está tudo online, para termos um gerenciamento melhor do transporte coletivo, visando sanar quaisquer problemas que tivermos, como atrasos de linhas, entre outros”, garantiu.

Viana lembrou que havia o prazo de 180 dias para a implantação das exigências do contrato. “Nós tínhamos esse prazo, para a implementação, mas na verdade já utilizamos essas tecnologias, e o que é mais importante, são o que há de melhor em termos de Brasil. Em algumas capitais do Brasil e outras cidades de grande porte são utilizadas exatamente essas tecnologias. E como também as utilizamos em outras cidades, tivemos facilidade de implantar já de imediato aqui”.

O diretor da Passaredo também informou que está sendo discutido com a Prefeitura de Catalão, a melhoria do atual Terminal ou um outro local para o funcionamento do mesmo. Pela concorrência pública, a tarifa que será praticada pela Passaredo, no transporte coletivo, é de R$ 2,90.

Cadastramento dos cartões

O usuário pode fazer os cartões no Centro Integrado de Transporte (CIT), localizado na Avenida Raulina Fonseca Paschoal, 1.601 (fundo do estacionamento do banco Itaú).

Para os idosos haverá um cronograma de cadastro, pelo mês de aniversário.

Mais informações pelo telefone 3442-3826 ou no site www.transportecidadedecatalao.com.br.

Fonte: Prefeitura de Catalão