Goiânia: Liminar libera ônibus apreendidos da Rápido Araguaia

A Rápido Araguaia, empresa concessionária de metade do sistema de transporte coletivo da região metropolitana de Goiânia, conseguiu, nesta segunda-feira (21), deferimento do seu recurso liminar contra a busca e apreensão de 295 ônibus de sua frota. Ainda não se sabe quando os veículos serão liberados, já que o processo corre no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP). Os ônibus foram apreendidos na madrugada de sábado (19), em ação do Banco Volkswagen pelo atraso de sete meses no pagamento do financiamento que adquiriu a frota em 2009.

Durante todo o dia, a operação ocorreu com a planilha de sábado, em que menos viagens são feitas, devido a falta dos ônibus. Em medida emergencial, o Consórcio da Rede Metropolitana de Transportes Coletivos (RMTC) e a Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) buscaram apoio nas outras quatro empresas concessionárias que pertencem ao consórcio. Ao todo, chegou-se a quase 190 ônibus para completar a operação, que chega entre 85% a 90% nos horários de pico.

Fonte: O Popular