Goiânia: Perillo busca garantir viabilidade do VLT na Anhanguera

O projeto do Veículo Leve Sobre Trilhos (VLT) de Goiânia foi discutido por Marconi com o secretário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) Maurício Muniz Barretto de Carvalho, antes da reunião na ANTT, no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, em Brasília. A intenção do governo estadual é incluir a obra, que tem previsão inicial de custo total em R$ 1,1 bilhão.

Segundo o tucano, a intenção do Estado é tentar incluir a obra no cronograma do PAC, com recursos que podem vir de Parcerias Público-Privadas (PPPs). “Ele (Barretto) demonstrou muito interesse e nos próximos dias nós teremos uma resposta”, afirmou Marconi.

Além dos governadores, participaram da reunião no Ministério dos Transportes a deputada distrital Liliane Roriz (PRTB), a deputada federal Magda Mofatto (PR), o secretário estadual de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos Vilmar Rocha e o presidente da Goiás Parcerias Cyro Miranda.

Fonte: O Hoje