Goiânia: Linhas 003, 015, 027, 029 e 909 fazem desvios devido a obras do corredor preferencial T-7

O trecho da avenida T-7 que fica entre a avenida T-2 e o supermercado Tatico, na C-205, será temporariamente interditado no sentido centro – bairro a partir deste sábado, 8, para o avanço da construção do corredor preferencial de ônibus T-7.

Com a interdição as linhas 003 (T. Maranata / Av. Itália / Rodoviária), 015 (T. Pça A / Flamboyant – Via T.Isidória), 027 (T. Bandeiras / T. Bíblia – Via T-7), 029 (T. Bandeiras / Av. dos Alpes / Rodoviária) e 909 (Res. Eldorado / Av.T-7 / Pça Universitária) farão desvios no sentido centro – bairro.

As linhas 003, 027, 029 e 909 desviam pelas avenidas T-2 e T-6, onde foram criados novos pontos para embarque e desembarque. Os pontos de número 41, em frente à igreja Videira, e 42, em frente ao Tatico, ficarão sem atendimento durante a interdição.


A linha 015 também desvia pela Av. T-6, deixando de atender o último ponto da Av. T-3 (número 2809).


A previsão da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), responsável pelos projetos de corredores de ônibus em Goiânia, é de que a obra seja concluída no dia 27 de setembro, quando as pistas serão liberadas e as linhas voltarão a fazer seu trajeto normal.

Segundo a CMTC, a construção do corredor T-7 está com frentes de trabalho nas avenidas Alpes e C-8 e Itália, nos bairros Vila União e Sudoeste, e nas avenidas Assis Chateaubriand e Gercina Borges Teixeira. As vias, que formam o corredor preferencial estão recebendo trechos cicloviários, calçadas acessíveis, nova pavimentação, novos abrigos de embarque e desembarque, sinalização vertical e horizontal, semáforos, mobiliário urbano compreendendo iluminação dos canteiros centrais, bancos e paraciclos, arborização e paisagismo.

A CMTC também informou que os desvios contarão com a presença de agentes de trânsito em pontos estratégicos para orientação aos condutores de veículos e que está distribuindo panfletos com informações sobre a obra aos moradores e comerciantes da região.

Fonte: RMTC Goiânia