DF: Rodoviários da TCB anunciam paralisação nesta segunda (13)

Após uma assembleia e paralisação dos serviços na manhã desta quinta (9), rodoviários da Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) anunciaram greve geral a partir da próxima segunda (13). De acordo com o Sindicato dos Rodoviários, a categoria reivindica reajuste salarial de 20%, além de auxílio educação no valor de R$600 e tíquete alimentação de R$1.344.

De acordo com o diretor de comunicação do sindicato, Marcos Júnior, a paralisação irá afetar cerca de nove linhas de ônibus, como a circular do Plano Piloto, Cruzeiro, Aeroporto, Esplanada, Superior Tribunal de Justiça, Rodoviária Interestadual, Rodoferroviária, Feira dos Importados e Setor de Indústrias Gráficas. "A greve não irá atingir somente os trabalhadores da TCB. Servidores cedidos para outros órgão do GDF também estarão cruzando os braços", informou ele. O sindicato não soube informar quantas pessoas serão prejudicadas com a greve.

Ainda segundo Marcos, a reivindicação é um desejo antigo dos servidores. "Tem mais de um mês que entramos com o pedido para o Governo, mas nunca nos responderam. Agora, se o GDF não nos der uma posição até o domingo (12) e chegando a um acordo, a greve está decretada", concluiu.

Em nota, a Sociedade de Transportes Coletivos de Brasília (TCB) informou que não foi comunicada oficialmente sobre a paralisação, que aconteceu nessa manhã. E concluiu afirmando que a pauta de reivindicações apresentada pelo sindicato "encontra-se em análise pelo Governo para acordo coletivo da categoria".

Fonte: Da redação do Jornal de Brasília