Goiânia: Araguarina compromete-se a reforçar frota no horário de pico em Terezópolis

Por Rafael Martins

Com uma média de três mil passageiros/dia no trecho Goiânia/Anápolis; a Viação Araguarina comprometeu-se a reforçar a frota no horário de pico no período da manhã em Terezópolis de Goiás, com uma sublinha direta para a capital. A medida veio em resposta ao protesto feito hoje por moradores da cidade, que fecharam a BR-060 e impediram a circulação dos ônibus da empresa.

Segundo a Viação Araguarina, haverá quatro ônibus a sair de Terezópolis direto para Goiânia entre 6h e 7h20. Uma reunião na próxima semana entre a prefeitura da cidade, AGR, CMTC e a PRF vão cobrar da Araguarina soluções para os problemas relatados pelos usuários, sendo o mais crônico a superlotação. A AGR, desde janeiro do ano passado, já emitiu 70 multas, dos quais mais da metade é por excesso de passageiros. 

A sobrecarga na linha semiurbana da Viação Araguarina dá-se justamente em Terezópolis, uma vez que a linha 771 (T. N. Mundo / Goianápolis - Via Terezópolis), que faz parte da RMTC, tem horários escassos. Em dias úteis, o intervalo entre um ônibus e outro pode chegar a quase duas horas, com o detalhe de que só circulam nos horários de pico. Nos demais horários, quem mora em Terezópolis e precisa ir à Goiânia é obrigado a utilizar os ônibus que vem de Anápolis.


O quadro de horários da Viação Araguarina segue um esquema diferenciado. Aos domingos e segundas, o intervalo entre um ônibus e outro é de 20 minutos em todos os horários. De terça à sábado, o intervalo é a cada 30 minutos no entre-pico, sendo que no horário de pico sai um veículo a cada 20 minutos. Independente do dia da semana, à partir das 21h, os ônibus seguem os seguintes horários: 21h30; 21h45; 22h15 e 23h.

A frota, segundo a empresa, será renovada até o fim do semestre.