DF: Terminais rodoviários fora do Plano Piloto sofrem com falta de estrutura

Passageiros e funcionários que utilizam rodoviárias afastados do Plano Piloto, no Distrito Federal, reclamam da falta de manutenção das estruturas. O DFTrans e as administrações regionais dizem que estudam a reconstrução dos espaços.

Construído há mais de 50 anos, o terminal do Gama apresenta telhados enferrujados e paredes sem azulejos. Boa parte das janelas está quebrada. Nos banheiros, faltam luminárias, pias e tampas nos vasos sanitários.

Os espelhos estão rachados e o teto foi tomado pela infiltração. "Aqui, chove mais dentro que fora", diz um passageiro. "O banheiro aqui é uma calamidade. Tem hora que você vai e tem que voltar porque não dá pra usar", afirma outra usuária.

As placas informativas também apresentam problemas. Na pintura, constavam dados sobre as linhas de ônibus que estacionavam em cada baia, mas a tinta foi danificada.

A administração do Gama afirma que um novo terminal está quase pronto e deve ser inaugurado em até três meses. O espaço funciona na quadra 13 do Setor Sul. A rodoviária vai receber os ônibus do Entorno. Segundo o órgão, a estrutura principal já foi concluída, e equipes trabalham para finalizar pistas, canteiros e rampas de acesso.

O terminal atual continuará em funcionamento, mas apenas para os ônibus que circulam dentro do DF. A administradora do Gama, Maria Antônia Magalhães, diz que há um projeto para reconstruir a rodoviária "do zero", mas não há prazos. "Vamos fazer uma audiência pública, submetendo à apreciação da comunidade do Gama."

Sem cobertura

Em Santa Maria, região próxima ao Gama, a situação é pior. A rodoviária não tem cobertura na área destinada aos passageiros. A estrutura se resume a salas para a administração e banheiros para motoristas e cobradores. Sem asfalto, os motoristas precisam dirigir pela terra para chegar às baias. "Só buraco e poeira", diz um rodoviário.

Um lixão improvisado em área verde se formou ao lado do terminal. Sem abrigo, os passageiros aguardam os ônibus embaixo da marquise de lojas próximas. "Às vezes, a gente perde o ônibus, ele vem e não para", diz uma usuária.

Segundo o DFTrans, o aviso de licitação para o terminal rodoviário do Gama já foi publicado. Não há previsão para início das obras em Santa Maria.

Fonte: G1 DF