DF: Empresa alemã propõe sugestões ao Metrô-DF

Diretores da DB Internacional, pertencente ao Grupo Deutsche Bahn, da Alemanha, apresentaram um portfólio com serviços prestados para empresas de trens urbanos de todo o mundo ao diretor-presidente da Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF), Marcelo Dourado. O encontro, realizado nessa terça-feira (3) na sede da presidência, em Águas Claras, contou com a presença do diretor-executivo da DB, Peter Mirov, e do chefe de gestão de operações Han-Jürgen Hendrich.

A DB Internacional, empresa líder na Europa, é especializada em transporte ferroviário de passageiros e serviços logísticos. Já desenvolveu projetos e prestou consultoria para os metrôs do Rio de Janeiro, São Paulo, Quatar, China e Arábia Saudita. Criada em 1835, a empresa inaugurou escritório no Brasil em 2012 e já realizou mais de 2 mil projetos em mais de 100 países.

O diretor-presidente informou que o Metrô-DF lançará cinco licitações nos próximos meses para ampliação, modernização e segurança do sistema e os convidou a participar dos certames. "Já temos recursos assegurados pelo Governo Federal e vamos dar início, em maio, à compra de 10 novos trens e, em junho, a expansão de cinco estações do Metrô, sendo duas em Ceilândia, duas em Samambaia e uma na Asa Norte. Nossa meta é levar, até o final de 2018, os trilhos para a 107 Norte", explicou Marcelo Dourado.

O Metrô-DF tem realizado reuniões com dirigentes de empresas nacionais e internacionais para conhecer as experiências bem sucedidas em outros locais, com o objetivo de incrementar a prestação do serviço para a população do DF. "Queremos que a companhia seja referência nacional. Além do metrô, o Governo do Distrito Federal pretende implantar os Veículos Leves sobre Trilhos (VLTs) e os trens regionais que ligarão Brasília-Luziânia e Brasília-Goiânia", destacou Dourado.

Fonte: Metrô-DF