DF: Governo e Banco do Brasil acertam empréstimo de R$ 500 milhões para infraestrutura e mobilidade

Na noite desta quinta-feira (29), representantes do Governo do Distrito Federal e do Banco do Brasil assinaram dois contratos: um de empréstimo no valor de R$ 500 milhões e outro de garantias e contragarantias de R$ 67 milhões. Os recursos do primeiro serão usados para investimentos nas áreas de infraestrutura e mobilidade. A secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão, Leany Lemos, frisou que esse montante está vinculado a investimentos nessas áreas e não poderá ser utilizado para outros fins. "Agora é fazer o cronograma de desembolso, mas o recurso deve ser passado até o fim deste ano", disse a secretária.

Quanto ao outro acordo, ele foi fechado no governo passado, mas havia pendências, por isso a assinatura do contrato de garantias e contragarantias. O valor de R$ 67 milhões será destinado à construção de 5.904 unidades habitacionais no Riacho Fundo II.

Participaram da reunião o governador Rodrigo Rollemberg; o vice-governador, Renato Santana; o secretário de Fazenda, Leonardo Colombini; o secretário de Relações Institucionais e Sociais, Marcos Dantas; o chefe da Casa Civil, Hélio Doyle; o presidente do Banco de Brasília (BRB), Alair José Martins Vargas; o indicado para a presidência do BRB, Vasco Gonçalves; o vice-presidente de Governo do Banco do Brasil, Antônio Valmir Campelo Bezerra; o diretor de Governo do Banco do Brasil, Jânio Carlos Endo Macedo; a superintendente Regional de Brasília do Banco do Brasil, Marília Prado de Lima; e a presidente da Câmara Legislativa, deputada distrital Celina Leão (PDT).

Após a assinatura dos contratos, Rollemberg agradeceu o apoio do governo federal e do Banco do Brasil a Brasília. "Estes recursos permitirão ao Governo do Distrito Federal fazer um conjunto de investimentos que contribuirá para melhorar a qualidade de vida da nossa cidade".

Fonte: Agência Brasília